BLOG

 

Perrengues de Viagem: sobre voos e aeroportos

15 de março de 2020 • Dicas de Viagens • POR Daniela Marin
Marrocos Road Trip
15 mar

Quem tem perrengues de viagem para contar?

Eu tenho muitos, viu? kkk

Um bom planejamento de viagem é um dos segredos para o sucesso do roteiro! Mas, é claro que nem sempre, as coisas saem exatamente do jeito que imaginamos e planejamos, né mesmo gente? Todo viajante e, principalmente, todo mochileiro, provavelmente tem muitas histórias para contar e os perrengues fazem parte dessas histórias.

Depois que passa, vira recordação, podendo às vezes até mesmo rir (nem que seja de nervoso) dos acontecimentos desastrosos que podem vir a acontecer durante uma viagem.

Por mais que tudo pareça estar sob controle, estar longe de casa, às vezes em outro país, com outra língua, diferentes regras e culturas pode facilitar e muito a ocorrência de situações surpresas que temos que lidar, os famosos perrengues.

Nesse post vou contar alguns dos perrengues mais marcantes das nossas vidas! Não se esqueçam que é somente a parte 1, pois as histórias são muitas!

Istanbul airport

Qualquer semelhança com @danimochilando é pura coincidência…rs

Perrengues de voo cancelado

Os perrengues relacionados aos voos são os mais comuns, no meu ponto de vista. Imagino que todos já devem ter passado por algum tipo de cancelamento ou atrasos em voos. E se por algum acaso, você nunca teve esse tipo de problema, um dia provavelmente terá…kkkk não estou te rogando praga, as estatísticas são reais…kkkk

Um dia antes  da nossa primeira viagem ao Peru, ainda no Brasil, recebemos uma mensagem via email dizendo que nosso voo interno Lima-Cusco tinha sido cancelado pela cia aérea lowcost do país e que tínhamos que, pessoalmente na agência de Lima, fazer a remarcação com a outra companhia que iria fazer esse voo.

Não conseguimos fazer por telefone, nem pela internet.

Ou seja, já chegamos no país, com tempo curto de viagem e ainda tendo que correr atrás para resolver essa questão do voo, que nem sabíamos se teria vaga. Pra ajudar, o escritório ainda era num bairro afastado, atrapalhando o início do nosso roteiro. Quem viaja com o roteiro pronto, sabe como é lidar com imprevistos (não gostamos nenhum pouco).

Mas tudo bem, o problema foi resolvido e o resto da viagem foi um sucesso! Viva el Peru Glorioso!

Cuzco Peru

Perrengues de voo atrasado

Uma outra vez, resolvemos assistir o show do Maná (banda mexicana) em Buenos Aires. Eita lugarzinho amado pelos brasileiros e cenário de muitos perrengues para muitos deles também… falaremos mais detalhes durante esse post!

O problema do voo foi na volta ao Brasil.

Chegamos no aeroporto em Buenos Aires para voltar e descobrimos que os funcionários tinham acabado de declarar greve geral a partir daquele momento. Resultado, ficamos 12 horas esperando liberarem os voos no aeroporto, sem dinheiro (tínhamos gastado tudo) e sem cartão de crédito (porque além de tudo, tínhamos sido furtados), comendo todos os alfajores que havia comprado de lembrança para a família.

Pelo menos, foi na volta, e não atrapalhou a viagem. A companhia aérea nos deu um ticket alimentação enquanto estávamos no aeroporto. 

Meses depois, após muita reclamação via e-mail, a Latam nos reembolsou com 2 voos para um destino a escolher na América do Sul. Perrengue com final feliz! 😛

Buenos Aires

Estados Unidos

Durante uma viagem aos Estados Unidos, tínhamos um voo de Nova Iorque para Detroit que foi cancelado logo que tentamos fazer o check in no aeroporto.

Ficamos várias horas por lá, tentando obter informações e nada. Os funcionários não passavam informações sobre motivos de cancelamento, quando seria o próximo voo, nada. Zero atenção e respaldo da companhia aérea.

Por fim, tivemos que gastar com taxi e hospedagem para aquele dia, pois o nosso voo remarcado sairia somente no dia seguinte. (sem muita confirmação de horário)

Além de atrapalhar nosso roteiro, a companhia aérea não nos ressarciu em nada dos gastos extras (taxi, hotel e alimentação). Senti falta de Buenos Aires! (óbvio)

Nova Iorque

Oriente Médio

No nosso mochilão Oriente Médio, tínhamos um voo de Cairo para Beirute. E adivinha? Pegamos outra greve geral de funcionários no aeroporto do Cairo.

O lugar estava abarrotado de gente, uma confusão, não havia mais comida, nem bebida para os passageiros que estavam esperando ali por horas. Na verdade, não cabia mais gente naquele aeroporto.

Por sorte, não sei o porquê, o nosso voo atrasou 3 horas e foi um dos únicos que saiu. Inclusive, na frente de muitos outros voos que estavam bem mais atrasados. Então, no meio de toda essa situação, esse foi um perrengue com uma pitada de sorte! kkkk

E depois de toda essa emoção, da felicidade absurda de conseguir embarcar no aeroporto do Cairo, chego em Beirute e sofro uma imigração tensa pra entrar no Líbano.

Meu marido passou pela imigração rapidamente e sem problemas. Porém, como lá você tinha que passar separado, na minha vez o cara “embaçou”…me fez um monte de perguntas, ligou para algumas pessoas e digitava sem parar no computador, fazendo pesquisas (eu acho! rs). Até hoje não entendemos bem o que aconteceu lá…só sei que depois de me deixar bem nervosa, ele me liberou…

Egito

Perrengues de quase perder o voo

Uma outra situação, que hoje damos risada, foi num feriado que decidimos viajar de novo para Buenos Aires (eu não disse que sentia saudade?).

No último dia, novamente na volta ao Brasil, reservamos um transfer no hotel para o aeroporto. O transfer passou e chamou somente o nome de um casal que estava na recepção esperando. E como ele partiu, imaginei que não fosse o nosso.

Não sei o que houve, mas ficamos ali esperando e reclamamos na recepção. Porém, nada do nosso transfer chegar. Portanto, pedimos que chamassem um taxi e novamente, nada de taxista aparecer…

Ficamos tão irritados com a falta de atenção dos recepcionistas do hotel que saímos pelas ruas de Buenos Aires buscando um taxi.

Era domingo a tarde, dia de jogo de futebol, ninguém nas ruas… Em volta da Casa Rosada, alguns turistas mas nada de taxi.

Simplesmente bateu o desespero e a hora passando, a gente correndo nas ruas com as malas e não conseguíamos taxi, nem uber, nem nada…

Foi desesperador imaginar que perderíamos o nosso voo de volta para o Brasil, por falta de taxi em plena tarde de domingo, num lugar extremamente turístico…

No final das contas, um taxista apareceu do nada deixando alguns passageiros por ali e imploramos para ele nos deixar no aeroporto pelo mesmo preço que pagaríamos o transfer, pois o dinheiro estava contado…kkkk

Graças a Deus, encontramos um argentino (meio libanês) que não estava fissurado no futebol naquele domingo!

Casa Rosada Argentina

Mais perrengues na Argentina: temos!

Lembra que eu falei que a Argentina é queridinha dos brasileiros e, inclusive, ótimo lugar para colecionar perrengues? Kkk

Pois é, os nossos maiores perrengues de viagens aconteceram por lá e isso não significa que desistimos do país e nem que deixamos de nos divertir por lá…

Pelo contrário, continua sendo o país que mais visitamos (destino repeteco) e ainda voltaremos mais vezes.

Porém,  tenho que contar que já chegamos em Buenos Aires com nossa mala arrombada (muitos turistas passam por isso lá), faltando alguns itens, como perfume,  etc… 

Na mesma viagem, fui bem inocente e distraída, e acabei sendo furtada. Fui tirar uma foto na Plaza del Congreso e de repente, “cadê” minha bolsa? Sumiu! Um senhor, eu digo um senhor, não era um moleque, pegou minha bolsa que estava no banco do meu lado e foi tão rápido que só percebi quando ele dobrou a esquina e fugiu.

Lá se foi minha bolsa novinha, minha carteira com os documentos, quase todo o dinheiro, cartão de crédito e nossa máquina fotográfica que tínhamos acabado de comprar (acho que estava pagando ainda…).

No mesmo dia, tivemos que ir à delegacia fazer um boletim de ocorrência em Buenos Aires e ligar para cancelar todos os cartões de crédito. Mesmo assim, o “fulano” teve tempo de fazer várias compras com nosso cartão. Claro que o banco teve que nos reembolsar posteriormente todo o valor.

Mendoza

Só para finalizar os perrengues da  Argentina (tomara!)…

Na viagem a Mendoza, como a maioria deve saber, geralmente é feita uma conexão em Buenos Aires e temos que trocar de aeroporto. Ou seja, o tempo geralmente é bem corrido.

Na chegada, com toda a correria para chegar a tempo para conexão, fizemos o câmbio no aeroporto (Banco de La Nacion) e acho que pela pressa, não conferimos direito o dinheiro.

Chegando no Aeroparque, de onde seria o nosso voo a Mendoza, resolvemos conferir o dinheiro e verificar o câmbio…

Bela surpresa quando notamos que o funcionário do banco tinha nos dado um valor errado, a menos, claro! Nessa brincadeira, perdemos um valor aproximado de 200 reais, infelizmente!

Nunca, mas nunca faça câmbio sem conferir mil vezes em qualquer lugar do mundo, né?

Caminito Buenos Aires

Portanto, nem tudo são flores e, sinceramente, só não tem perrengue quem não viaja! Tenho certeza que todo mundo aí tem um “perrenguinho” engraçado para relembrar…kkk

E só para animar vocês, tenho que dizer que a Argentina não é só perrengue não minha gente!  Vale a pena!

Confira lá nosso post sobre a Patagônia Argentina! Zero perrengue e só alegria!

Ushuaia Argentina

Sala Vip do aeroporto #sqn 😛

Gostaram do post? Alguma dúvida ou curiosidade?

Se gostou e quiser me acompanhar mais nas redes sociais, me siga lá no instagram @prefiromochilar  e veja mais fotos e dicas de viagens.

Vai Viajar? Já tem Seguro Viagem?

Nunca embarque para o exterior sem seu Seguro Viagem em mãos, eu mesma já tive intoxicação alimentar mais de uma vez, na Bolívia e em Cuba. O seguro é essencial não só nesse caso, como em vários outros.

Nosso blog tem parcerias com:

Seguros Promo (5% de desconto)

Real Seguro (10% de desconto)

Salve esse pin no seu Pinterest

perrengues

Blogagem Coletiva

Este texto faz parte de uma Blogagem Coletiva realizada por um grupo de blogueiras que contaram sobre seus perrengues de viagens. Confira:

Viajante econômica – Perrengues de viagem: como dar a volta por cima 

Experiência Barbara – Namíbia, campeã mundial do perrengue! 

Contos e Encontros – Perrengues de Viagem: Parte 1

Fefa pelo Mundo – Perrengue de viagem: Algumas histórias verídicas

Viagens e Feminices – Perrengue de viagem – Aeroporto de Orly, em Paris

Só Penso em Viajar – Perrengues de viagem – Uma noitada em Viena


Compartilhe:

8 Comentários

  1. Soraia Pereira da Silva disse:

    Nossa, Dani, quanta perrengue na Argentina! rs…
    Adorei conhecer sua coleção de perrengues, mas é inevitável, né! Quem viaja, tem perrengue e história pra contar!

    Beijo!

  2. Barbara Cortat disse:

    Nossa meu, eu tive toda a minha cota de voos atrasados e cancelados quando fomos para a Turquia. Dos 7 voos que fizemos por lá, só um não teve problema. Mais um post para os “Perrengues Bárbaros”!!

  3. Samuel disse:

    Que coisa!!kkkk…mas perrengue faz parte da vida dos viajantes mesmo!!! Muito bom o post!! 😉

  4. Juliana disse:

    Dani, acho que o domingo de futebol sem taxi foi agoniante ne? e ser furtado, tb é um baita perrengue… Ainda não conheço Argentina, nao sei se vc me animou…kkkkkkkk

  5. Ju disse:

    Daaaani, to morta de rir aqui que 95% dos seus perrengues foram na Argentina kkk como assim? a parte boa foi aquela de comer alfajor da familia toda kkkk sou apaixonada!!!

  6. Pâmela disse:

    Que você é a campeã dos voos perdidos e alterados, disso não tenho dúvidas! Kkkkkk e se eu fosse você repensada suas viagens a Argentina! Kkkkkkk

DEIXE SEU COMENTÁRIO!