BLOG

 

Cordilheira dos Andes: a magia da América do Sul!

11 de abril de 2020 • Dicas de Viagens • POR Daniela Marin
Cordilheira dos Andes Aconcágua
11 abr

“Para mim, a montanha é sabedoria. Precisamos saber acatar, escutá-la, entendê-la e estar em sintonia com ela.”

A Netflix tem em seu catálogo diversos documentários e um que já estava na minha lista faz alguns meses, era o especial “A magia dos Andes”. O documentário apresenta os cenários mais belos da Cordilheira dos Andes, numa série de 6 capítulos.

Vamos viajar sem sair de casa?

Nesse momento de quarentena, onde a maioria teve que cancelar ou adiar planos de viagens, não podemos deixar de sonhar com as próximas férias e possíveis viagens futuras, assim que a nossa rotina se normalizar.

Se você ainda não teve a oportunidade de conhecer essa maravilha da natureza em algum dos países da América do Sul ou se, assim como nós, é apaixonado pela cultura andina, vai se arrepiar com as lindas cenas dessas paisagens e histórias de várias pessoas que possuem uma profunda conexão com as montanhas da Cordilheira dos Andes.

De todos os lugares que o documentário apresenta, o único país que ainda não conhecemos é o Equador, que já estava super cotado na nossa lista de próximas viagens.

Agora, mais ainda! 🙂

Inspire-se com a magia dos Andes para planejar sua próxima viagem pela América do Sul!

Andes Cuzco Peru

Magia dos Andes

A América do Sul possui uma das mais diversas belezas da natureza, a Cordilheira dos Andes.

Os Andes estão entre as mais extensas cordilheiras do mundo. Seu relevo variado abrange geleiras, vulcões, desertos, lagos e florestas. As montanhas abrigam sítios arqueológicos pré-colombianos e vida selvagem, como chinchilas e condores.

Suas montanhas servem de abrigo para uma diversa vegetação, que só se observa nessa cordilheira.

A cordilheira se estende por aproximadamente 8000 km, estando presente desde a Venezuela até a Patagônia, e caracteriza a paisagem de 7 países da América do Sul. Os países que formam a América Andina são Argentina, Chile, Peru, Bolívia, Equador e Colômbia. Portanto, o documentário foca em algumas das principais regiões andinas desses países.

“Acho que somos abençoados por morar aqui. A magia dos Andes existe onde quer que você esteja. Onde seu coração bate forte é onde você deve estar.”

Fitz Roy Patagonia

Patagônia

A Argentina e Chile dividem uma das regiões mais peculiares do planeta, a Patagônia. A Cordilheira dos Andes é que delimita a fronteira entre os dois países.

O documentário mostra a cidade de  Ushuaia, incluindo a trilha para um dos principais glaciares da região, o Glaciar Martial.

No verão, é um dos únicos lugares onde você poderá encontrar neve. Fomos em janeiro e foi um dos momentos mais frios da viagem. No topo da montanha, considerado ponto final da caminhada, fizemos um picnic “congelante”. Kkkkk

Glaciar Martial Ushuaia

Andes Magicos Ushuaia

O documentário ainda te leva para Torres del Paine, parte da Patagônia Chilena, e de lá parte para  El Calafate para conhecer o famoso Parque Nacional los Glaciares.

Perito Moreno é o glaciar considerado uma das reservas de água doce mais importantes do mundo (sua superfície é maior que a cidade de Buenos Aires). Diferentemente dos outros glaciares do mundo, que infelizmente estão derretendo, o Perito Moreno desafia o aquecimento global e se encontra estável.

A beleza desse local é indescritível e somente estando lá para compreender o porquê de ser um dos lugares mais visitados da América do Sul. Observar a geleira em contraste com o verde do lago Argentino e de fundo a Cordilheira dos Andes, vai render milhares de fotos e imagens que ficarão para sempre na memória.

Perito Moreno Andes

Bariloche

San Carlos de Bariloche é uma cidade na região da Patagônia Argentina, limitada pelo lago Nahuel Huapi, junto à Cordilheira dos Andes.

É conhecida pela arquitetura no estilo alpino suíço e serve como uma base para caminhadas e a prática de esqui nas montanhas próximas e, também, para explorar a região dos lagos ao redor.

Graças à existência da Cordilheira dos Andes, as nevadas ocorrem nas montanhas da região e proporcionam os grandes centros de atividades invernais.

“Os Andes são um monumento natural! Isso aqui é magnífico em todos os sentidos! É o lugar que escolhi para morar pois aqui eu sou como quero ser.”

Nauel Hapi Bariloche

Cordilheira dos Andes Bariloche

Mendoza

Apenas a 2 horas e meia da cidade de Mendoza, localizado na Cordilheira dos Andes, se encontra a montanha mais alta da América do Sul e uma das mais altas do planeta, o Aconcágua. Seu cume se encontra a 6.960 metros de altitude.

O Aconcágua é visita obrigatória, através da Ruta Nacional 7 com paisagens que compõe o “tour de alta montanha”, que seguem até a entrada do parque. Lá você poderá apreciar a enorme formação rochosa coberta de neve eterna.

O ponto mais alto das Américas atrai montanhistas de todo o mundo. Em busca de superar limites, eles encaram as paredes de gelo e realizam uma das mais perigosas escaladas do mundo. Nós optamos por apreciar do mirante mesmo…. hehehe

Mendoza Argentina

Mendoza Cordilheira dos Andes

O documentário parte de Mendoza, percorrendo 500 km e te leva para Embalse El Yeso, no Chile. Na mesma região de Cajón del Maipo, mostra a exuberante beleza da represa que é a principal fonte de água potável de Santiago situada a apenas 1 hora desse cânion natural.

O branco da neve e o azul do céu dão lugar às cores da terra, das rochas e do deserto.

Atacama Licancabur

Deserto do Atacama

Os Andes atravessam uma das zonas mais áridas da Terra.

A própria Cordilheira dos Andes é a responsável por essa região não receber chuvas, que não conseguem ultrapassar a cadeia de montanhas e dão origem à paisagem singular e impressionante do Deserto do Atacama (o deserto mais alto e mais seco do mundo).

Vale da Morte, Vale da Lua, Piedras Rojas, Lagunas Altiplânicas, Gêisers el Tatio, Salar de Tara, Salar do Atacama e o tour astronômico são alguns dos passeios mais famosos.

Nós fizemos um mochilão pelo Chile de 18 dias, e particularmente, achei o Deserto do Atacama a melhor parte da viagem. As Lagunas Altiplânicas estão nas listas dos lugares mais visitados e bonitos do Atacama. São praticamente pinturas ao vivo!

“Os Andes têm tanta magia que isso se reflete em suas paisagens!”

Atacama Cordilheira dos Andes

Bolívia

Atravessando a Argentina e o Chile, a Cordilheira dos Andes aos poucos vai ingressando em uma região com diferentes cores e culturas, a Bolívia.

O Salar de Uyuni é o maior e mais alto deserto de sal do mundo, com 10.582 quilômetros quadrados, localizado perto da borda da Cordilheira dos Andes.

É uma das grandes maravilhas da natureza na Bolívia!

Essa região é um dos roteiros turísticos mais bem sucedidos do país e fica a 600 km de La Paz, capital da Bolívia.

La Paz, que está rodeada por montanhas, é a capital mais alta da América do Sul!

Uma viagem ao território boliviano é bastante econômica. Além disso, tem-se a possibilidade de conhecer lugares novos e esplêndidas paisagens naturais.

No post Mochilão Bolívia, eu conto detalhes da nossa viagem, incluindo La Paz, Sucre, Salar de Uyuni e Copacabana.

“Eu sinto que a montanha me escuta porque para mim, a montanha tem vida. Assim como a Mãe Terra é vida.”

Bolivia Chacaltaya

Salar de Uyuni Cordilheira dos Andes

Peru

As cidades mais altas dos Andes se localizam na Bolívia e Peru.

O Peru é um país com muita diversidade geográfica e a beleza da Cordilheira dos Andes está presente em vários locais conhecidos pelos turistas.

Machu Picchu Peru

O país herdou a cultura inca, civilização que predominou na região. Os incas veneravam as montanhas, o que explica o vínculo do povo peruano com os Andes.

Percorrendo a Cordilheira dos Andes no Peru, nos deparamos com uma das 7 Maravilhas do Mundo Moderno, Machu Picchu, símbolo da civilização inca.

A palavra magia está presente em todo o documentário, em cada ponto da Cordilheira dos Andes que é explorado. No entanto, acho que Machu Picchu é o lugar que melhor representa essa magia dos Andes. (seguido do Salar de Uyuni) 😛

Um roteiro pelo Peru exige um bom planejamento de viagem pois muitas atrações ficam distantes e é preciso se locomover entre uma e outra, perdendo um pouco de tempo neste percurso.

A melhor opção é começando por Lima, capital do país, que possui muitas atrações turísticas ou por Cusco, com seus sítios arqueológicos localizados em torno da cidade, além do Vale Sagrado, Machu Picchu, Aguas Calientes, Chinchero, Cerro Colorado, Lago Titicaca, Puno, Isla Amantani, e muito mais.

“Ir para as montanhas, subir as suas partes mais altas e ver a paisagem de cima, simplesmente deixa você sem palavras. Você se sente tão pequeno diante de tanta beleza.”

Peru Cordilheira dos Andes

Equador

Ao norte do Peru, a Cordilheira dos Andes continua seu percurso em direção ao Equador. Seus vulcões têm os picos mais altos cobertos de neve.

O vulcão Chimborazo é o mais alto do Equador e também o ponto mais distante do centro da Terra. Nessa mesma região dos Andes, se encontra o vulcão Cotopaxi.

Quito, a capital do Equador, é uma imensa cidade construída sobre a Cordilheira dos Andes. É uma das cidades mais antigas da América do Sul.

Como falei anteriormente, é o único país que ainda não conhecemos da América Andina. Espero em breve, resolver essa questão! Hehehehe

Colômbia

Um dos últimos lugares que a Cordilheira dos Andes percorre é a Colômbia.

Ao ingressar na Colômbia, a cordilheira se divide em 3 partes, passando por algumas das principais cidades do país, como Cali, Medellín e Bogotá.

A capital Bogotá, rodeada por montanhas, é a terceira mais alta da América do Sul, depois de La Paz e Quito.

Nós fizemos um mochilão Colômbia por 23 dias. O nosso roteiro incluiu diversas cidades, algumas bem pouco conhecidas pelos turistas brasileiros. Visitamos Bogotá, Santa Marta, Cartagena, San Gil, Barichara, Curiti, Girón, Bucaramanga, Chicamocha, Medellín e Zipaquirá.

“Nosso país está totalmente permeado pelos Andes. Desde criança, sabemos onde estamos localizados e que somos filhos dos Andes. É fato que os Andes são nosso lar!”

Colombia Chicamocha

Canion Chicamocha Colombia

O documentário nos brinda com imagens belíssimas dos quase 8000 km da Cordilheira dos Andes, desde o sul da Argentina até o trópico colombiano.

Uma cadeia montanhosa que atravessa 7 países da América do Sul e que une a cultura andina bastante rica em histórias, representando os costumes dos antepassados, resgatando a cultura indígena.

Vale muito a pena conferir e viajar junto com as imagens!

“A sensação de estar tão perto da natureza, te enche de paz!”

Deserto do Atacama Chile

Todas as citações foram retiradas do documentário “A Magia dos Andes” disponível na Netflix, criação de Luis Ara e Alexandra Hardorf.

Salve esse pin no seu Pinterest!

Andes Magicos

Gostaram do post? Interessante o documentário, né?

Se gostou e quiser me acompanhar mais nas redes sociais, me siga lá no instagram @prefiromochilar  e veja mais fotos e dicas de viagens.

Vai Viajar? Já tem Seguro Viagem?

Nosso blog tem parcerias com:

Seguros Promo (5% de desconto)

Real Seguro (10% de desconto)


Compartilhe:

1 Comentário

  1. Barbara Cortat disse:

    Tava planejando ir esse ano para o Equador, também único que falta na minha lista. As cordilheiras dos andes são as paisagens mais lindas e variadas que já vi na minha vida. Quero conhecer essa parte mais interessante e quente da Colômbia tb, como vcs fizeram!

DEIXE SEU COMENTÁRIO!